Menu

Blagoy Ivanov: saiba mais sobre o estreante da luta principal do UFC Boise

11 de Julho de 2018

Não é todo dia que um atleta faz sua estreia no Ultimate na luta principal de um evento, encarando um ex-campeão da organização. Mas Blagoy Ivanov tem credenciais suficientes para estar em destaque no UFC Boise, quando medirá forças com Junior Cigano.

 

A post shared by Blagoyivanov (@blagoyivanovmma) on Jun 1, 2018 at 11:59pm PDT


Nome:
Blagoy Ivanov

Idade: 31 anos

Nacionalidade: búlgaro
Cartel: 16-1 (1 luta sem resultado)

Mais UFC Boise: Os brasileiros do evento | Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube

Oriundo do Sambo, estilo de combate popular entre os atletas do leste europeu, que tem entre seus expoentes no Ultimate nomes como Khabib Nurmagomedov e Aleksei Oleinik, Ivanov despontou para o mundo das lutas no campeonato mundial de 2008, quando, aos 22 anos de idade, superou nas semifinais o já lendário Fedor Emelianenko a caminho da medalha de ouro.

Seu início no MMA, que aconteceu pouco antes, em 2007, foi igualmente bem-sucedido. Ivanov somente conheceu a derrota após 12 lutas, quando foi finalizado pelo atual terceiro colocado no ranking dos pesos-pesados do Ultimate, Alexander Volkov, em 2014.

De lá para cá, no entanto, o búlgaro se reabilitou, e chega para sua estreia no Ultimate embalado por cinco vitórias consecutivas, e dois cinturões conquistados no período: o do World Series of Fighting (defendido três vezes), e o do Professional Fighters League, conquistado em sua luta mais recente, no último mês de novembro.

Entre os adversários notáveis que já enfrentou na carreira estão nomes ex-UFC, como Shawn Jordan, Lavar Johnson, Ricco Rodriguez e Ilir Latifi (com quem fez sua luta sem resultado, após o ringue quebrar no minuto inicial), além do já citado Volkov e do lendário ex-PRIDE e K-1, Kazuyuki Fujita.

Das 16 vitórias de Blagoy na carreira, seis foram por nocaute e outras seis por finalização, um representativo importante da versatilidade do lutador.

Com apenas 1,80m de altura, Ivanov não tem um biotipo intimidador como os de Francis Ngannou, Alistair Overeem ou do próprio Junior Cigano; mas como Daniel Cormier mostrou no último final de semana, tamanho não é o que mais importa na divisão dos grandalhões, e o búlgaro terá, neste final de semana, uma oportunidade de ouro para entrar fazendo barulho na categoria.