Menu

Cormier finaliza Lewis e defende cinturão dos pesados no UFC 230

03 de Novembro de 2018

 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.

#AndStill @DC_MMA finalizou Derrick Lewis e defendeu o cinturão peso-pesado do UFC | #UFC230

Uma publicação compartilhada por UFC (@ufc_brasil) em 3 de Nov, 2018 às 9:33 PDT

Daniel Cormier não deu chances para Derrick Lewis em sua primeira defesa de título e venceu a luta principal do UFC 230 por finalização no segundo round.

Mais UFC 230Jacaré nocauteia WeidmanSheymon e Pezão vencem no card preliminar

“DC” usou sua grande superioridade na luta agarrada e colocou o desafiante de costas no chão logo no início do duelo, dominando com larga superioridade o primeiro assalto enquanto punia Lewis no ground and pound.

O segundo assalto seguia o mesmo rumo até que, após aplicar sua segunda queda, Cormier aproveitou a oportunidade de pegar as costas do adversário quando este tentava se levantar e encaixou um estrangulamento encerrando o confronto.

“Isso é história. Daniel Cormier: um dos maiores de todos os tempos”, bradou um extasiado DC ao final do duelo.

Com a vitória, ele se torna o primeiro atleta na história do Ultimate a defender o cinturão em duas categorias diferentes.

Confira todos os resultados do UFC 230:

Daniel Cormier venceu Derrick Lewis por finalização (mata-leão) aos 2m14s do 2º round;

Ronaldo Souza venceu Chris Weidman por nocaute técnico aos 2m46s do 3º round;

Jared Cannonier venceu David Branch por nocaute técnico aos 39s do 2º round;

Karl Roberson venceu Jack Marshman por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27);

Israel Adesanya venceu Derek Brunson por nocaute técnico aos 4m51s do 1º round;

Jordan Rinaldi venceu Jason Knight por decisão unânime (30-27, 30-25, 30-26);

Sijara Eubanks venceu Roxanne Modafferi por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27);

Sheymon Moraes venceu Julio Arce por decisão dividida (29-28, 28-29, 30-26);

Lyman Good venceu Ben Saunders por nocaute a 1m32s do 1º round;

Matt Frevola e Lando Vannata tiveram um empate majoritário (29-28, 28-28, 28-28);

Shane Burgos venceu Kurt Holobaugh por finalização (chave de braço) aos 2m11s do 1º round;

Marcos Rogerio de Lima venceu Adam Wieczorek por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27).

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube