Menu

Holloway e Ortega descontraem; Joanna e Valentina confiantes em coletiva

05 de Dezembro de 2018

As estrelas das duas lutas principais do UFC 231, que acontece neste sábado em Toronto no Canadá, ficaram frente a frente nesta quarta-feira em coletiva de imprensa realizada na cidade.

Max Holloway e Brian Ortega, que disputam o cinturão peso-pena na luta principal do evento, e Valentina Shevchenko e Joanna Jedrzejczyk, que se enfrentam pelo título peso-mosca na penúltima atração da noite, responderam as perguntas dos jornalistas presentes e mantiveram um clima respeitoso e competitivo durante toda a atividade.

Mais UFC 231Olho NelesOs brasileiros em Toronto | Dois cinturões em jogo | Card completo

Holloway e Ortega disputaram a atenção do público em diversos momentos e tentaram garantir a torcida dos canadenses para este sábado exaltando a cidade de Toronto e afirmando que se sentiam em casa. Max falou com empolgação também sobre retornar ao Octógono após um ano afastado por lesões e problemas de saúde - sua última luta foi em dezembro de 2017, quando conquistou o segundo triunfo seguido sobre o ex-campeão José Aldo.

“Mal posso esperar. Só de pensar em caminhar ao Octógono, sinto arrepios”, disse o campeão, “Vai ser a mesma coisa de sempre, não tem nada de novo. Só estou ansioso para lutar”.

Embalado por um dos nocautes mais bonitos do ano contra Frankie Edgar, Ortega, que é geralmente reconhecido por seu alto nível na luta agarrada, respondeu com bom humor quando perguntado se será capaz de trocar golpes de igual para igual com Holloway: “Espero que sim, é para isso que estou aqui”, declarou, arrancando risadas dos torcedores.

Um tom mais sério, mas ainda respeitoso adotaram Valentina Shevchenko e Joanna Jedrzejczyk, que lutam pelo título vago do peso-mosca.

Ex-campeã peso-palha, com cinco defesas de título, Joanna afirmou categoricamente o que acha que uma vitória neste final de semana fará por seu legado. “Não tem ‘se’; após a vitória no sábado, eu provarei que sou a maior lutadora de todos os tempos”. Ela também afirmou, no entanto, que um retorno ao peso-palha no futuro deverá ocorrer.

Valentina, que possui vitórias sobre a oponente deste sábado em competições de muay thai no passado, evitou se vangloriar pelos triunfos, elogiou muito a adversária, mas disparou: “Eu já sei qual será o resultado. Não há chance de eu sair desta luta sem o cinturão”.

O Combate transmite o UFC 231 ao vivo e com exclusividade neste sábado (8), a partir das 21h.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube