Menu

Olho Neles! As promessas do UFC Austin

12 de Fevereiro de 2018

Da última vez que o UFC desembarcou em Austin, Frankie Edgar cimentou sua posição como o principal desafiante da divisão peso-pena com uma grande performances contra Cub Swanson, e alguns dos lutadores que hoje são nomes estabelecidos entraram no Octógono pela primeira vez.

Aquela noite, em novembro de 2014, começou com Dooho Choi vencendo Juan Puig em apenas 18 segundos, seguido por um Paige VanZant, de 20 anos, rompendo em lágrimas após uma vitória no terceiro round sobre Kailin Curran em sua estreia.

Três anos e alguns meses depois, o UFC volta ao Frank Erwin Center para o Fight Night: Cowboy x Medeiros, um card com nomes familiares e alguns recém-chegados com potencial para fazer do evento de domingo (18) uma plataforma de lançamento para o que há de maior e melhor, como "The Korean Super Boy" e "12 Gauge" fizeram.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube

Olho neles!

Curtis Millender

Apenas algumas semanas depois de vencer no Legacy Fighting Alliance e aumentar sua série de vitórias para seis, Millender tem a chance de causar um impacto imediato na divisão dos meio-médios em sua estreia contra Thiago Alves.

O californiano de 30 anos tem um bom tamanho para a divisão e recuperou-se bem de sua primeira derrota. Millender está pronto para testar as águas na divisão e, em vez de começar pela parte rasa, ele vai mergulhar de cabeça no fundo.

Depois de 12 anos no UFC, Alves é um dos lutadores mais experientes nnos 77 kg e uma séria ameaça para qualquer um, especialmente para alguém entrando no Octógono pela primeira vez.


Sarah Moras

Parte do primeiro elenco feminino do The Ultimate Fighter, a carreira de Moras no UFC nunca realmente decolou pois as lesões limitaram a canadense a apenas três aparições no Octógono. Ela voltou de uma ausência de dois anos finalizando Ashlee Evans-Smith no UFC 215, e agora está pronta para voltar à briga neste fim de semana contra Lucie Pudilova.

Dado o fato de que a divisão do peso-galo está bem aberta com lutadoras migrando para o peso-mosca, Moras tem o potencial de fazer uma boa corrida em 2018 se tiver outra vitória impressionante em Austin e manter um cronograma ativo ao longo do ano.

Geoff Neal

Entrando no cage pela segunda vez em 11 dias e lutando acima de sua categoria de peso, o texano de 27 anos derrubou Chase Waldon com a mão esquerda em menos de dois minutos de luta. Agora, de volta à divisão dos meio-médios, "Handz of Steel" tem a oportunidade de coletar sua primeira vitória do UFC em um confronto contra Brian Camozzi.

Tendo o poder, paciência e precisão para parar Waldon no peso-médio, se Neal levar os mesmos traços consigo no evento deste fim de semana, ele terá a chance de estender sua série de vitórias para três e estabelecer-se como uma nova adição intrigante para os meio-médios.