Menu

Top 3: as melhores viradas de brasileiros no UFC em 2017

01 de Janeiro de 2018

Chegamos ao fim de 2017 e, com isso, é hora de fazer uma retrospectiva sobre o ano dos brasileiros no octógono. Aqui, vamos listar as melhores viradas envolvendo atletas do país na última temporada.

UFC Belém: Cadastre-se e saiba tudo sobre o evento

Iuri Alcantara x Luke Sanders



Quando absorveu mais de 70 golpes significativos em apenas cinco minutos no primeiro round da luta contra Luke Sanders, parecia questão de tempo para que Iuri Marajó fosse derrotado pelo norte-americano. O segundo round não começou muito melhor, com o brasileiro novamente sendo castigado; mas foi aí, na raça e na técnica, que Marajó encaixou uma justíssima chave de joelho, obrigando Sanders a bater e recebendo bônus de Performance da Noite no UFC 209.

Ketlen Vieira x Sara McMann



Após duas vitórias em suas duas primeiras lutas no octógono, Ketlen Vieira recebeu o maior desafio de sua carreira - um duelo contra a medalhista olímpica e ex-desafiante ao cinturão peso-galo, Sara McMann. E McMann usou seu wrestling para anular completamente a brasileira por quase todo o primeiro round, mas, no segundo, viu Ketlen surpreender a 40 segundos do fim com um katagatame vencedor, que manteve a invencibilidade na carreira da brasileira.

Deiveson Alcantara x Jarred Brooks



É verdade que a luta entre Deiveson Alcantara e Jarred Brooks foi bastante equilibrada no geral, mas não se pode negar que o esforço do brasileiro por 15 minutos resultou em uma virada que poucos esperavam. Ele saiu atrás do norte-americano no primeiro round, e foi derrubado seguidas vezes nos dois posteriores, mas, em contraste à falta de efetividade de Brooks por cima, trabalhou o tempo todo e tentou nada menos que cinco finalizações, mostrando o suficiente para que os jurados o julgassem vencedor do duelo no UFC São Paulo.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube | Baixe o aplicativo do UFC