Menu

UFC 218: Fatos que entraram para a história

03 de Dezembro de 2017

O UFC 218 aconteceu no último sábado em Detroit, nos Estados Unidos, e entregou tudo o que era esperado: um card memorável, com direito a lutas épicas, nocautes avassaladores e a primeira defesa de título do campeão peso-pena Max Holloway.

Mais UFC 218: Personalidades comentam vitória de HollowayEvento tem duas Lutas da Noite | Holloway vence Aldo em revanche | Ngannou nocauteia Overeem | Resultados do card preliminar

Este foram os melhores momentos da noite:

‘A Era Blessed’

Max Holloway consolidou seu posto como o melhor peso-pena do mundo na atualidade ao vencer a revanche com José Aldo da mesma forma que a primeira luta: por nocaute técnico no terceiro round. Com 12 vitórias consecutivas, o havaiano avisou: “Esta é ‘Era Blessed’”.

Abre o olho, Miocic

Se faltava algo para que Francis Ngannou fosse escolhido o próximo desafiante ao cinturão dos pesados, certamente não falta mais após o camaronês aplicar um nocaute simplesmente devastador sobre o então número um da divisão, Alistair Overeem, conquistando sua sexta vitória consecutiva no octógono.

 

Que legenda você daria para essa foto? #UFC #UFCBrasil #UFCnoCombate #UFC218noCombate #lutas #boxe #jiujitsu

Uma publicação compartilhada por UFC (@ufc_brasil) em Dez 2, 2017 às 9:20 PST

Luta da Noite I

Quando Justin Gaethje está em ação, certamente poderemos ter a melhor luta da noite. Mas o show de ontem foi protagonizado também por Eddie Alvarez, que pôs um fim à invencibilidade de Gaethje em uma luta épica, a qual venceu por nocaute com uma joelhada certeira no terceiro round.

 

Luta da Noite II

E se o duelo entre Alvarez e Gaethje precisou dividir as honras de “Luta da Noite” no UFC 218, é porque algo muito especial aconteceu. No caso, foi outro combate espetacular, entre Alex Cowboy e Yancy Medeiros, que teve quatro knockdowns e acabou com vitória do norte-americano por nocaute no terceiro round.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube