Menu

UFC Xangai tem casa lotada e é o maior evento de MMA da história da China

05 de Dezembro de 2017

Las Vegas - O UFC, maior organização de artes marciais mistas do mundo, divulgou hoje os resultados do UFC Xangai, seu primeiro evento na história na China continental.

O evento aconteceu no dia 25 de novembro de 2017 na Mercedes-Benz Arena em Xangai, para uma plateia de 15.128 pessoas e marcou o maior evento de MMA do país. O evento teve mais de um milhão de televisores ligados na PPTV, a líder em transmissão esportiva na China, além de mais um milhão em Video On Demand (VOD). O UFC Xangai também foi transmitido mundialmente através do serviço de streaming digital do UFC, o UFC Fight Pass, e marcou a maior audiência ao vivo de um card asiático até hoje.

A hashtag oficial do evento, #UFCShanghai, teve mais de 46 milhões de utilizações, fazendo dela a maior hashtag de esportes no país naquela noite, e superando a lendária luta de boxe entre Mayweather e McGregor. Oito das 12 lutas tiveram atletas chineses, com cinco conquistando vitórias, a peso-palha Yan Xiaonan, os pesos-pena Wang Guan e Song Yadong, e os meio-médios Li Jingliang e Kenan Song. Jingliang e Yadong também levaram para casa 50 mil dólares cada um pelos prêmios de Performance da Noite.

O UFC viajou para 14 países neste ano, e o evento em Xangai foi uma das 10 novas paradas da organização - um ano que viu a base global de fãs da marca crescer um recorde de 278 milhões de pessoas em 45 mercados medidos. O evento também foi o sexto a esgotar ingressos no ano, ao lado do UFC Brooklyn, em fevereiro; UFC 210, em abril; UFC 212, em junho; UFC 215, em setembro; UFC São Paulo, em outubro e o UFC 218, no último final de semana.

A tendência de crescimento internacional do UFC continua para 2018, com novas paradas já anunciadas para o primeiro trimestre, incluindo visitas inéditas a Belém, no Brasil e Perth, na Austrália.

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube